Elos – 05

Elo é um substantivo masculino que significa, entre outros sentidos, ligação, união, continuação. Com a criação do projeto “Elos – Uma História Sem Fim…”, o setor de Comunicação Social vai interagir diretamente com, beneficiários, colaboradores e que aqui circulam.

Mas não é só isso! O nosso setor vai em busca de ligações das pessoas com a ACADEF. De que forma nos unimos? Qual é a sua ligação com a ACADEF? Não o que você faz aqui, mas o que te marca aqui? Que marca você deixa aqui? Como você muda a vida das pessoas que por aqui passam?

Com objetivo de humanizar ainda mais a nossa instituição, assim como de proporcionar reflexões em cada pessoa que transitar por aqui, independentemente de quem for.

O dentro e fora da ACADEF estão ligados. E você? De que forma estabelece este elo?

A quinta Edição do Projeto Elos
É com Eduardo Rodrigues
Assista ao vídeo no final da pagina.

Uma história de superação através da arte e uma nova família.

As pastas são cheias de desenhos, pintados com giz de cera. Na casa, há diversas maquetes e artesanatos. Tudo isso, é feito por Eduardo Rodrigues, 63 anos, que nasceu em Livramento. Há 35 anos ele mora em Canoas.

Desde pequeno, quando era criança, desenhar já fazia parte da vida dele. A foto que Eduardo nos mostrou é de um porta com desenho, que foi feito por ele. Desde cedo, ele já se dedicava a arte. Até a fotografia já foi o trabalho dele.

Eduardo trabalhava em um laborátorio de fotográfia. Logo quando comprou uma moto, ele se acidentou. Tinha 30 anos, desde então se locomove através de uma cadeira de rodas. “Minha vida mudou completamente, eu era 100% dependente”, diz. O irmão o ajudava com o que precisasse, o que foi fundamental na vida dele, pois começava uma nova etapa, na qual tinha que se adequar.

Luan, oito anos, e Harlan, um ano e meio, são como filhos adotivos de Eduardo, que é divorciado. A mãe, Paula Cristiane, mora com eles. Ele assumiu as crianças, pois o pai recusou. Paula também é sobrinha de Eduardo, que foi morar com ele há 16 anos. Ela conta que quando foi morar com Eduardo, eles começaram a sair para se divertir. Assim, o tio começou a perceber que poderia sair, mesmo com cadeira de rodas.

Eduardo agradece Jair Silveira, do projeto Cuidar, pois através dele foi possível enxergar outras possibilidades. Hoje, ele participa de eventos da Acadef e do conselho, através de opiniões, o que ajuda a melhorar e qualificar os direitos das pessoas com deficiencia.

Artistas são a inspiração de Eduardo para fazer os trabalhos artísticos. Os materiais para as obras são diversos, ele usa jornais, madeiras, garrafas. Tudo isso é transformado e vendido por ele. Assim, a vida de Eduardo segue, com dedicação pelo trabalho que gosta e pela família, que se formou de um forma diferente das convencionais.

Produção: Comunicação Social e Informática
Texto-Patricia Martins

Conheça outras edições do Projeto Elos.

Compartilhe em suas redes sociais